quinta-feira, 13 de maio de 2010

A vida.


" A vida é parecida com um caminho intransitável,
Onde seu rosto queima e faz cócegas,
Com teias de aranha se quebrando,
E os olhos choram por ter um galho
Quebrado no caminho,
Eu queria sair da terra por uns tempos,

E depois voltar para recomeçar tudo."

Nenhum comentário:

Postar um comentário